Mitos sobre a culinária japonesa


 

Mesmo estando muito presente nas refeições e preferências culinárias dos brasileiros, a comida japonesa ainda é alvo de muitas críticas e preconceitos.

 

Pensando nisso, listamos os principais mitos sobre a culinária nipônica para você ficar por dentro dessa gastronomia. Continue lendo e confira!

 

 

Mitos sobre a comida japonesa

 

Responsável pela longevidade dos japoneses (mito)

É indiscutível que os japoneses possuem hábitos de vida muito mais saudáveis do que a população de outros países. No entanto, não é apenas o tipo de comida que eles consomen que faz com que vivam por mais tempo. O conjunto de hábitos saudáveis, alimentação e a prática de exercícios físicos é o que melhora a saúde das pessoas.

 

 

Gestantes não podem comer comida japonesa (mito)

O que acontece é que, em geral, carnes cruas má conservadas podem fazer mal à gestante e, consequentemente, ao bebê. No entanto, qualquer tipo de alimento mau conservado pode fazer mal a qualquer pessoa.

 

 

Leia mais: O consumo de peixes para mulheres grávidas

 

 

Toda comida japonesa é crua (mito)

Muitos pratos dessa culinária são cozidos e, acredite, até mesmo fritos, como o harumaki, a yakissoba e os peixes grelhados.

 

 

Gostou do conteúdo? Para acessar mais artigos como este, basta clicar aqui e acessar nosso blog.

 

Para conferir receitas deliciosas de comida japonesa, clique aqui e nos conte o que achou.